Citações de "O homem sem qualidades" de R. Musil

Notas sobre O homem sem qualidades de R. Musil

"E como a posse de qualidades pressupõe uma certa alegria pela sua realidade, é legitimo prever que alguém a quem falte o sentido de realidade até em relação a si próprio possa um belo dia, sem saber como, encarar-se como um homem sem qualidades." R. Musil, HsQ, pg. 43

"... quando andava pelas ruas - muito mais excitante era ainda andar de eléctrico!- costumava contar, e isto já levava anos, os segmentos de recta nas grandes letras das tabuletas das lojas (o A, por exemplo, tinha três, o M quatro), dividindo o seu número pelo número de letras. Até agora, a média mantinha-se invarialvelmente nos dois e meio.É claro que este número não era definitivo, e podia mudar com cada nova rua; assim, cada divergência trazia grandes preocupações, e cada coincidência grandes alegrias, o que correspondia aos efeitos catárticos atribuídos à tragédia. Mas quando somos nós a contar as letras, constataremos... que a divisibilidade por três é um caso raro, pelo que a maior parte das tabuletas deixam em nós uma sensação de clara insatisfação, à excepção daquelas que apresentam várias letras de grande intensidade, por exemplo WEM, e que em qualquer circunstância nos deixam particularmente felizes. E que consequências é que isto tem?... Nada mais nada menos do que isto: o Ministério da Saúde Pública deveria editar uma portaria com a finalidade de bonificar, na escolhas dos nomes das firmas, sequências de letras com quatro segmentos de recta, reprimindo na medida do possível as que só têm uma linha, como o O, o I e o C, já que a sua pobreza de traços é causadora de grande tristeza!" R. Musil, HsQ, pg. 465

Implementei então esta última actividade, em Emacs Lisp, para a contagem do número médio de traços das letras em palavra ou frases.

Implementação em Emacs Lisp

Aqui ficam as funções em Lisp que calculam ao número médio de segmentos de uma frase/texto.

(setq list-n (list  '(" " . 0.0) '("A" . 3.0)  '("B" . 3.0) '("C" . 1.0)
'("D" . 2.0) '("E" . 4.0) '("F" . 3.0) '("G" . 2.0) '("H" . 3.0) '("I" . 1.0)
'("J" . 1.0) '("K" . 3.0) '("L" . 2.0) '("M" . 4.0) '("N" . 3.0) '("O" . 1.0)
'("P" . 2.0) '("Q" . 2.0) '("R" . 3.0) '("S" . 1.0) '("T" . 2.0) '("U" . 1.0)
'("V" . 2.0) '("W" . 4.0) '("X" . 4.0) '("Y" . 3.0) '("Z" . 3.0) '("a" . 3.0)
'("b" . 3.0) '("c" . 1.0) '("d" . 2.0) '("e" . 4.0) '("f" . 3.0) '("g" . 2.0)
'("h" . 3.0) '("i" . 1.0) '("j" . 1.0) '("k" . 3.0) '("l" . 2.0) '("m" . 4.0)
'("n" . 3.0) '("o" . 1.0) '("p" . 2.0) '("q" . 2.0) '("r" . 3.0) '("s" . 1.0)
'("t" . 2.0) '("u" . 1.0) '("v" . 2.0) '("w" . 4.0) '("x" . 4.0) '("y" . 3.0)
'("z" . 3.0) '("á" . 4.0) '("á" . 4.0) '("à" . 4.0) '("é" . 5.0) '("í" . 2.0)
'("ó" . 2.0) '("ú" . 2.0) '("â" . 5.0) '("ã" . 5.0) '("ê" . 6.0) '("ô" . 3.0)
'("Á" . 4.0) '("Â" . 4.0) '("À" . 4.0) '("É" . 5.0) '("Í" . 2.0) '("Ó" . 2.0)
'("Ú" . 2.0) '("Â" . 5.0) '("Ã" . 5.0) '("Ê" . 6.0) '("Ô" . 3.0) '("." . 0.0)
'("," . 0.0) '(":" . 0.0) '(";" . 0.0) '("-" . 1.0) '("ç" . 2.0)))

(defun string-to-strings (s)
    "Convert a string into a list of strings."
    (let ((i (- (length s) 1)) (l '()))
      (while (<= 0 i)
        (setq l (cons (aref s i) l)
              i (- i 1)))
      (mapcar (lambda (x) (char-to-string x)) l)))

(defun get-number-straight-lines-letter (s)
  (cdr (assoc (car s) list-n)))

(defun get-number-straight-lines-list-of-letters (s)
  (if (not s)
      0
    (if (stringp (car s))
        (+ (get-number-straight-lines-letter s)
           (get-number-straight-lines-list-of-letters (cdr s)))
      (get-number-straight-lines-list-of-letters (cdr s)))))

(defun number-straight-lines-sentence (s)
  (/ (get-number-straight-lines-list-of-letters
      (string-to-strings s)) (length s)))

Alguns exemplos

A expressão "Esta última sugestão" tem 2.05 segmentos, enquanto o meu nome "Tiago" tem 1.8. Segue uma pequena tabela (sugestões para mais palavras são bem vindas):

Palavra
Musil 1.8
Bach 2.5
diale 2.4
qualidades 2.1
Sócrates 2.125
Palavras chave/keywords: Musil, homem sem qualidades, citações

Última actualização/Last updated: 2014-02-20 [14:38]


1999-2014 (ç) Tiago Charters de Azevedo

São permitidas cópias textuais parciais/integrais em qualquer meio com/sem alterações desde que se mantenha este aviso.

Verbatim copying and redistribution of this entire page are permitted provided this notice is preserved.